Páginas

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Beatos João Tomáki e seus filhos Domingos, Miguel, Tomás e Paulo, leigos e mártires no Japão (13 de outubro)

Muitos foram os leigos e leigas, famílias inteiras
que corajosamente deram sua vida pela fé no
Cristo no Japão. 
Hoje, mais uma vez, desejo recordar alguns mártires. Esses mártires são do Japão do século XVII. Trata-se de uma família inteira que, fiel à sua fé, não tiveram medo de testemunhar o Evangelho até a morte.

João Tomáki e seus filhos Domingos, Miguel, Tomás e Paulo. Todos inscritos na Ordem Terceira de São Francisco. Viúvo, recebera da esposa a incumbência de educar os filhos na fé cristã. Sempre apoio os missionários franciscanos e dominicanos em sua missão. Pego em flagrante, foi preso juntamente com seus quatro filhos.

Condenados à morte, João assistiu à degola de seus quatro filhos, atado a um poste. O juiz fez várias tentativas de levar os filhos à negação da fé, mas nenhum fracassou. Domingos tinha 16 anos, Miguel, 13; Tomás, 10; e Paulo, 7. O pequeno Paulo respondeu ao juiz: “Meu papai e os meus irmãos disseram-me que me ias dar a morte, e é o que eu quero, porque vou para o Céu, onde a mamãe está à minha espera com uma bela coroa. E no Céu também vou encontrar Jesus, que gosta muito de crianças e lhes dará um Reino maior do que o Japão. Também eu quero ir para lá!

A espada feriu as quatro vítimas, e esses anjos voaram da terra ao céu. João, consolado pela coragem dos filhos, deu graças a Deus, e não tardou a seguir no encalço dos filhos. Pai e filhos foram beatificados por Pio IX a 07 de julho de 1867.



Fonte: “Santos Franciscanos para cada dia”, Ed. Porziuncola.


Nenhum comentário:

Postar um comentário