Páginas

domingo, 10 de novembro de 2013

Beatas Mártires Adoradoras Escravas do Santíssimo Sacramento e da Caridade (Espanha, 1936)


Beatas Manuela e Companheiras, Virgens e
Mártires 
      Hoje, a Igreja faz a memória das Bem-Aventuradas Mártires Madre Manuela do Sagrado Coração de Jesus e suas 22 Companheiras do Instituto das Adoradoras Escravas do Santíssimo Sacramento e da Caridade, brutalmente assassinadas "in odium fidei" pelos revolucionários (milicianos) comunistas da Guerra Civil que assolou a Espanha em 1936. 
        Quando se lê uma história como essa, além de indignados, causa-nos surpresa como é que 23 freiras inocentes poderiam ser acusadas de serem "um perigo" para a Espanha mesmo pelo mais fanático defensor do comunismo. 
         Se é uma "ideologia política" que prega a "igualdade" e um "pretenso respeito ao cidadão", como é que esses elementos podem considerar que umas pobres freiras mereciam ser mortas por fuzilamento, sem direito a julgamento ou a defesa? 
       Está claro que o objetivo principal do comunismo é fazer guerra (antes, mais declarada, agora, disfarçada) a Deus, à sua vontade e à Igreja. Que o digam os milhares de mártires espanhóis (conforme já postei antes) que tiveram suas vidas ceifadas injusta e brutalmente. Não há argumento, não há desculpa, não há "teoria" humanamente aceitável que justifique os crimes bárbaros que foram praticados contra clérigos, religiosos e leigos católicos nos anos 1934 - 1937 (principalmente em 1936) nas terras espanholas. 
           Que essas bem-aventuradas mártires possam, no Céu, em sua contemplação contínua da Face de Deus, interceder pela Igreja e pelos missionários e missionárias que ainda hoje são perseguidos, presos, expulsos ou até mesmo mortos nas atuais terras de missão. Que roguem ao Senhor da Messe que envie mais e mais operários para sua messe e que sejam fortes na luta e na defesa da fé e do direito divino. Amém. 

   Abaixo, vai a lista das mártires cuja memória é hoje comemorada: 

  1. - Manuela del Sagrado Corazón (Manuela Arriola Uranga)
  2. - Blasa de María (Juana Pérez de Labeaga García)
  3. - Lucila María de Jesús (Lucía González García)
  4. - Rosaura de María (Rosa López Brochier)
  5. - Casta de Jesús (Teresa Vives y Missé)
  6. - Borja de Jesús (Mª Zenona Aranzábal Barrutia)
  7. - Luisa de la Eucaristía (Luisa Pérez Andriá)
  8. - María de la Presentación (María García Ferreiro)
  9. - Sulpicia del Buen Pastor (Dionisia Rodríguez de Anta)
  10. - Belarmina de Jesús (Belarmina Pérez Martínez)
  11. - Mª Dolores de la Santísima Trinidad (Mª Dolores Hernández Santorcuato)
  12. - Mª Dolores de Jesús Crucificdo (Mª Dolores Monzón Rosales)
  13. - Máxima de San José (Emilia Echeverría Fernández)
  14. - Prima de Jesús ( Mª Prima Ipiña Malzárraga)
  15. - Sinforosa de la Sagrada Familia (Sinforosa Díaz Fernández)
  16. - Purificación de María (Purificación Martínez Vera)
  17. - Josefa de Jesús (Josefa Boix Riera)
  18. - Herlinda (Aúrea González Fernández)
  19. - Ángeles (Mercedes Tuní Ustech)
  20. - Ruperta (Concepción Vázquez Áreas)
  21. - Felipa (Felipa Gutiérrez Garay)
  22. - Cecilia (Concepción Iglesias del Campo)
  23. - Magdalena (Magdalena Pérez)




Nenhum comentário:

Postar um comentário